Skip to main content

Escolhendo os vasos de suas Orquídeas

Aprenda a escolher corretamente vasos e substratos para o cultivo na sua casa!!

Antigamente não se conhecia mais opções de substratos para o cultivo de orquídeas pois se dependia quase que exclusivamente do xaxim que hoje corre risco de extinção e não pode ser mais comercializado.

Isso fez com que novos materiais fossem sendo testados, principalmente os de descarte da agroindústria como a casca de macadâmia e o chips de coco. A finalidade do substrato é servir de apoio a planta de maneira que as raízes possam se fixar e permanecer firmes sem compactação, alem de reter umidade permitindo a circulação de ar e a retenção de nutrientes provenientes da adubação.

Hoje em dia a opção tanto de tipos de vasos para cultivo como também de substratos facilitou e muito o cultivo de orquídea em qualquer parte do nosso país. Dependendo da região e do clima podemos escolher usar um substrato que acumule mais umidade ou não.

O segredo dessa escolha é conhecer as necessidades das plantas que você tem em casa e também as particularidades do clima da sua região e relação a umidade ambiente.  Quando temos uma boa quantidade de plantas utilizar o mesmo tipo de vaso e substrato ajuda na definição das regas pois o tempo de secagem acaba sendo igual para todos os vasos.

Como existem muitas espécies de orquídeas talvez essa não seja uma tarefa fácil, mas com o tempo e criatividade é possível encontrar soluções para isso.

Quanto mais homogêneo for..

Quanto mais homogêneo for o seu cultivo, mais fácil para você cuidar  das plantas. Normalmente quando iniciamos no cultivo de orquídeas costumamos sair adquirindo mais pela beleza da planta e flores do que por suas particularidades de cultivo, como por exemplo o clima de origem que o exemplar está acostumado a vegetar.

Isso pode atrapalhar a adaptação da planta e fazer com que vá definhando aos poucos confundindo o cultivador e dando a impressão que a planta é frágil. ( Isso não é verdade, pois se nos fossemos colocados num local onde não sobreviveríamos, morreríamos antes que uma orquídea!).

Uma espécie de orquídea pode resistir por meses e até por anos em um ambiente ruim e é preciso estar atento para perceber isso e corrigir antes que seja tarde e a planta morra.

Eu por exemplo cultivo espécies variadas de clima tropical e prefiro usar o vaso cerâmico para quase todas. O que muda para algumas espécies mais exigentes, é o uso de tronquinhos e cascas de madeira tornando o cultivo mais natural. Para aquelas que preferem mais umidade nas raízes utilizo o vaso plastico e separo dentro do orquidário para facilitar a rega.

Para não ter problemas

Para não ter problemas com a secagem do substrato utilizo o mesmo para todas diferenciando nos vasos plastico onde uso o pedrisco de rio e o dreno no fundo do vaso para melhorar a aeração interna. Faço furos nas laterias dos vasos plásticos também aumentando a aeração das raizes para algumas plantas.

Tenha em mente que na orquidofilia nada é absoluto, e o sucesso do cultivo vai depender da sua observação e conhecimento sobre as suas plantas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *